(27) 3255-9999
Home » Geral » Técnicas para adestrar seu gato

Técnicas para adestrar seu gato

05/08/2016

Os gatos são animais muito independentes e de personalidade forte e, por isso, muitos acham que não é possível adestrar os felinos. É claro que requer muita paciência e jogo de cintura, mas existem maneiras de ensinar o bichano a sentar, dar a pata, reconhecer o nome e atender quando for chamado. Utilizando algumas técnicas, o pet pode obedecer aos comandos básicos de ordem, o que é muito útil para os donos de animais de estimação.

Para começar, é necessário definir o incentivo que será dado ao gato como recompensa pela atividade realizada. Normalmente são oferecidos petiscos e guloseimas que os felinos gostem, ou até mesmo por uma ação, como um carinho, por exemplo. Confira abaixo alguns truques para educar seu pet.

  1. Reconhecer o nome

O primeiro e mais importante treinamento é fazer o gato reconhecer o próprio nome. E isso começa com a escolha deste. Ensinar o gato a identificar quando estão lhe chamando é questão de segurança. Saber o próprio nome e, principalmente, responder a ele pode evitar riscos como pisar em lugares quentes e até salvá-los caso estejam escondidos em armários, já que o comum é o gato miar quando ouve o próprio nome. É importante pensar em nomes de pronúncia fácil e clara e sem muitas sílabas. Nomes grandes ou duplos são potencialmente mais difíceis de assimilar. Para fazer o gato se reconhecer, o dono deve pronunciar o nome do animal com frequência, durante brincadeiras e na hora de alimentar e recompensar o pet.

  1. Sentar

O primeiro passo para fazer o gato aprender a sentar é segurar o petisco acima da cabeça do felino, sem deixar que ele pegue. Feito isso, espere ele sentar ou estimule a atitude, fazendo o pet andar de ré. É comum gato andar para trás antes de sentar, então o movimento será conhecido para ele e facilitará a realização do comando. Quando ele sentar, dê a recompensa. Com o passar do tempo, o gato irá reconhecer o movimento das mãos do dono e compreender o que está sendo pedido.

  1. Ficar parado

Para ensinar o comando de permanecer parado, é necessário que o gato já reconheça o comando “sentar”. A partir disso, basta aumentar aos poucos o tempo entre ele sentar e ganhar o petisco. Caso ele levante, execute novamente o comando “sentar” e não dê o petisco imediatamente. Aos poucos ele irá perceber que só ganhará a recompensa se permanecer sentado. Fale de forma clara o comando “fica” e faça o sinal de parar com uma das mãos espalmadas, para o gato reconhecer os gestos. Após isso, dê a recompensa.

  1. Chamar o pet

O comando “aqui”, muito conhecido para chamar pets, é um dos mais simples para o gato assimilar. Para isso, basta chamá-lo, agitando o petisco, pois ele irá entender que, se for, receberá a recompensa. Espere ele chegar perto e dê a comida. Até o felino entender o comando, é fundamental recompensá-lo após a execução da atividade. Se ele perceber que não tem recompensa, não irá atender ao chamado. Além disso, é importante deixar claro que essa palavra ou esse som será utilizado apenas para este comando.

  1. Dar a pata

Para ensinar o pet a realizar o famoso comando de dar a pata também não é difícil. Coloque um petisco em cada mão e estenda apenas uma para o gato se aproximar. Se ele tentar abocanhar a comida, afaste a mão até ele começar a utilizar a pata para pedir o petisco. Quando ele fizer o movimento, dê a recompensa que está na outra mão. Com o passar do tempo, o pet irá entender que o aperitivo não está na mão estendida e começará a dar a pata para que o dono abra a outra mão.

Gatos são ótimas opções para apartamentos, você sabia? Confira dicas para criar os felinos neste link


Leia também: »

Comentários (0)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *