(27) 3255-9999
Home » Geral » A importância da suplementação mineral bovina

A importância da suplementação mineral bovina

10/08/2016

Uma das épocas mais complicadas na criação comercial é o período de seca. Com a estiagem, os pastos perdem nutrientes e o fornecimento de uma alimentação suplementar para o gado é fundamental. Depender apenas do pasto para realizar a alimentação, tanto no período seco quanto em épocas de chuva, pode culminar em perda de peso dos animais, queda na produção de leite e até mais chances de contrair doenças.

A criação necessita de alimentação reforçada para atender as exigências dos animais que cada vez mais sofrem melhoramento genético para aumentar a produção, independente do período do ano. No entanto, em épocas de seca, o produtor deve se preparar e planejar toda a alimentação da sua criação para não ocorrer falta de alimento. Segundo o Incaper, agosto é um mês de estiagem no Espírito Santo. As informações dão conta de um volume de, no máximo 60mm no interior do Estado durante todo o mês.

Para manter o gado sadio, a suplementação mineral proteica é a mais indicada para esta época. Os produtos são elaborados conforme as necessidades de cada categoria de animal. Segundo o Zootecnista André Cabral, especialista em nutrição animal, os volumosos não fornecem tudo que o animal precisa e, por isso é tão importante a complementação mineral. “Os bovinos, tanto de corte, quanto leiteiro, necessitam de fontes de cálcio, ferro, fósforo e outros minerais, e nesta época de seca, proteína. Somando os macros e micros nutrientes, são mais de dez minerais fundamentais para composição da carne e leite do bovino, além de auxiliar no crescimento ósseo e na reprodução”, analisa.

Existem produtos para todas as fases da vida do animal e todas as categorias, de corte à leiteiro. “É importante o produtor ter a consciência de que a criação precisa ser bem alimentada durante todo o ano e não somente no período de seca, pois isso implica diretamente no sucesso econômico produtivo do rebanho bovino, tanto de corte como de leite”, explica André.

Para conhecer os produtos que a Nutriave desenvolveu para bovinos, clique aqui.


Leia também: »

Comentários (1)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *