(27) 3255-9999
Home » Geral » Pancreatite: como identificar e tratar seu pet

Pancreatite: como identificar e tratar seu pet

02/05/2017

A pancreatite é uma inflamação no pâncreas, órgão localizado próximo ao estômago e que produz enzimas que ajudam na digestão de proteínas e carboidratos. Além disso, o órgão também é responsável pelos hormônios que regulam o açúcar no sangue e, com a doença, a produção e armazenamento das enzimas podem ocasionar uma série de eventos no organismo do animal.

Além de diarreia e vômito, a pancreatite ainda causa, em seu tipo mais agudo, desidratação, falta de apetite, letargia e, nos casos mais graves, uma inflamação tão forte que o abdômen do animal fica inchado e avermelhado.

A doença pode ter várias causas, mas sem dúvida a mais comum é relacionada à alimentação. Animais que ingerem muita gordura ou que comeram alimentos estragados podem contrair a doença. Mas ela também pode ser adquirida após uso de algum antibiótico ou tratamento de quimioterapia. Além disso, algumas raças ainda possuem predisposição à pancreatite, como o Schnauzer, o Poodle e o Airdale Terrier.

O diagnóstico pode ser realizado por meio de exames radiográficos e ultrassom. No entanto o primordial é levar o animal ao médico veterinário no início dos sintomas, para que a doença possa ser diagnosticada com antecedência e tratada da melhor forma.


Leia também: »

Comentários (0)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *